Categorias dos Produtos:


Anunciantes

Pagamento Express no Bcash da Capa de Maquina Frontal

Quant.:
  
 
Mais condições

Visualizando- Cientistas avisam: sedentários, é hora de caminhar

  • Cientistas avisam: sedentários, é hora de caminhar  - Imagem 1
  • Cientistas avisam: sedentários, é hora de caminhar  - Imagem 2
  • Cientistas avisam: sedentários, é hora de caminhar  - Imagem 3

  • Saiba mais do Produto, clicando nos Videos.

 

 

Os cientistas sabem que só caminhar já reduz massivamente o risco de doenças cardíacas e diabetes tipo 2, mas eles não sabiam o porquê. Agora, forçando pessoas saudáveis a agir como sedentários, eles começaram a entender – e mostram porque caminhar é o melhor exercício que você pode fazer.

Por que é difícil entender os benefícios da caminhada para quem vive no sedentarismo? Porque, em geral, este estilo de vida vem associado a outros fatores: dieta ruim, sobrepeso e vários outros problemas. Então, para entender porque caminhadas são boas para a saúde, cientistas da Universidade de Missouri (EUA) fizeram o contrário do comum: escolheram pessoas ativas e em forma, e as tornaram sedentárias.

Segundo o New York Times, os voluntários passaram três dias vivendo seu estilo de vida normal e ativo, e depois foram forçados a reduzir seus esforços em pelo menos metade. Durante esse período, o nível de açúcar no sangue foi continuamente monitorado. “Está cada vez mais claro que variações bruscas do açúcar no sangue, especialmente depois de uma refeição, são ruins para a saúde”, diz John P. Thyfault, um dos pesquisadores. “Variações bruscas e oscilações do açúcar no sangue após refeições têm sido relacionadas ao desenvolvimento de doenças cardíacas e diabetes tipo 2.”

Entre os dois períodos, os participantes reduziram sua atividade de 13.000 passos caminhados por dia, em média, para menos de 4.300 passos. Enquanto isso, eles comiam exatamente as mesmas refeições e lanches.

O resultado: os níveis de açúcar no sangue saltavam durante os dias inativos, e as variações bruscas ficavam mais perceptíveis à medida que as pessoas continuavam sedentárias. Isto não se trata de boa forma nem de engordar: esta é a reação do corpo a fazer menos exercício – mesmo que seja de baixo impacto, como caminhar.

As variações bruscas não são uma completa surpresa, mas elas são preocupantes, e sugerem que mesmo alguém com peso normal e dieta saudável pode sofrer grandes saltos na glicemia se viver de forma sedentária – um problema que pode resultar em aparecimento precoce de diabetes tipo 2 e doenças cardíacas.

Moral da história: mexa-se mais. Não precisa ser exercício de alto impacto, e não precisa atrapalhar seu estilo de vida. Mas levante e vá andar um pouco! Cada vez mais provas científicas mostram que caminhar é o melhor exercício que você pode fazer – então faça

Créditos: The new york Times e Gizmodo Brasil

 

 


Pessoas que visualizaram este artigo também visualizaram: