Cirurgia de Ginecomastia por Dra. Luciana pepino - BabyBoomers Brasil


Categorias dos Produtos:


Anunciantes

Pagamento Express no Bcash da Capa de Maquina Frontal

Quant.:
  
 
Mais condições

Visualizando- Cirurgia de Ginecomastia por Dra. Luciana pepino

  • Cirurgia de Ginecomastia por Dra. Luciana pepino - Imagem 1

  • Saiba mais do Produto, clicando nos Videos.

A vergonha começa na hora de tirar a camisa na consulta! 

Segue abaixo sugestão de pauta para seu veículo. Trata-se da GINECOMASTIA, uma das mais comuns, dentre as cirurgias estéticas realizadas em homens. Esta cirurgia, permite corrigir o excesso de mama  masculina que pode ser glandular, gordurosa ou mista, mas que independente da causa, traz sempre um grande constrangimento nos homens, que na maioria das vezes sofrem com este problema desde garotos, geralmente por volta dos 13 aos 18 anos. E porque na maioria das vezes os pais não conseguem identificar esta anomalia, esses rapazes só realizam este tipo de cirurgia aos 28/30 anos e depois, a mudança comportamental é absolutamente visível.

Quem pode falar mais a respeito deste assunto é a Dra. Luciana Pepino, médica e membro especialista em cirurgia plástica da SBCP. Abaixo ela tira algumas duvidas comuns relacionadas a GINECOMASTIA. 

PERGUNTAS FREQUENTES SOBRE A GINECOMASTIA

A cirurgia de ginecomastia deixa cicatrizes?

Felizmente esta cirurgia permite-nos colocar a cicatriz bastante disfarçada (em “U”, abaixo da aréola.)

 Como é realizada a cirurgia?

A GINECOMASTIA pode ser glandular (somente excesso de glândula mamária), gordurosa (com excesso de gordura apenas) ou mista (além de gordura há também tecido glandular excedente). Na cirurgia  retiramos o excesso de glândula e gordura, algumas vezes utilizando a lipoaspiração como complemento, na intenção de nivelar a área das mamas no nível do tórax.      

O pós-operatório da cirurgia de GINECOMASTIA é doloroso?

Em geral não, desde que o paciente obedeça às instruções médicas, principalmente no que tange aos esforços e demais cuidados nos  primeiros dias.  

Qual o tipo de anestesia utilizada?

Anestesia local com sedação assistida 

Quanto tempo dura o ato cirúrgico?

Em média de 1 a 2 horas. 

Qual o período de internação?

Geralmente 12 horas.

Há necessidade  de drenagens linfáticas?

Geralmente sugerimos 10 sessões de drenagem linfática para auxiliar na redução do inchaço   e seromas (acúmulo de líquidos). Sessões complementares poderão ser recomendadas a cada caso.

Quando pode-se retornar as atividades habituais?

Geralmente após 05 dias, quando o período de maior incômodo passa. Atividades físicas devem ser postergadas ainda.

RECOMENDAÇÕES PÓS-OPERATÓRlAS:

1) Evitar esforços nos 15 primeiros dias.

2) Não movimentar os braços em excesso. 

3) Não se expor ao sol por 3 meses

4) Seguir rigorosamente as prescrições médicas.

5) Alimentação normal 

6) Iniciar as drenagens linfáticas no período recomendado.

7) Usar a cinta modeladora por 30 dias.

 

 

 

Currículo da Especialista:

 

Dra. Luciana Pepino,CRM: 106491, médica e membro da SBCP (Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica), dirige hoje a Clínica que leva seu nome e é um dos grandes nomes neste mercado em prótese de mama e outros tipos de cirurgias plásticas estéticas.


 


 


Pessoas que visualizaram este artigo também visualizaram: